Ministério do Esporte Ação de cidadania de alunos do Segundo Tempo ajuda crianças com câncer no Piauí
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Ação de cidadania de alunos do Segundo Tempo ajuda crianças com câncer no Piauí

Uma ação de cidadania dos alunos do Programa Segundo Tempo, em Teresina (PI), ajudou a amenizar o sofrimento de 48 crianças de 0 a 18 anos em tratamento, no Lar de Maria, uma instituição da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Piauí. Eles entregaram na última terça-feira (16.06) 400 quilos de alimentos e roupas arrecadados durante a Gincana Socioesportiva do Segundão, ao Lar de Maria. A iniciativa partiu de 130 jovens de 14 unidades de ensino da rede municipal.

A maior arrecadadora de donativos e roupas, e ganhadora da competição, a Escola Municipal José Nelson de Carvalho também foi a responsável pela entrega dos 400 quilos de alimentos, além de visitar a casa de acolhimento Lar de Maria, entidade filantrópica que tem como objetivo a luta social no combate ao câncer e sobrevive apenas de doações. Formada por um grupo de voluntárias que trabalha para o bem estar do doente oncológico carente.

Durante a visita, a turma de dez alunos e coordenadores da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel) conheceu todo o espaço físico do Lar de Maria, conferindo de perto a dinâmica de acolhimento das voluntárias. O grupo foi guiado por Joelma Sandes, uma das coordenadoras da instituição. “Enfrentamos diversas dificuldades financeiras, então as ajudas são sempre bem-vindas”, agradeceu a voluntária.

Para o coordenador do Programa Segundo Tempo, João Henrique Rufino, os benefícios são ainda maiores para os jovens estudantes, que colocam em prática mais uma lição de cidadania. “Essa atividade destaca algo que valorizamos bastante dentro das nossas ações, que é a cidadania correta. Esses jovens foram protagonistas de um exemplo do bem, batalharam para ajudar o próximo e ainda conheceram de perto uma realidade diferente da deles, o que contribui para a formação de homens e mulheres mais conscientes de seu papel social”, explicou o coordenador.

Feliz pela boa ação, a estudante Carla Priscila destacou que fazer o bem sempre vale a pena. “Eu já conhecia o trabalho do Lar de Maria, mas essa é a primeira vez que tenho a oportunidade de ajudar. Ficamos bastante animados com o anúncio de que fomos campeões e que poderíamos entregar os alimentos, é uma sensação de dever cumprido”, finalizou.

Cleide Passos
Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla