Ministério do Esporte CT de São Paulo receberá desafio de atletismo olímpico e paralímpico
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

CT de São Paulo receberá desafio de atletismo olímpico e paralímpico

A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) confirmaram a realização de um evento unificado das modalidades olímpicas e paralímpicas na estrutura do Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. O Desafio CBAt/CPB de atletismo terá duas etapas. A primeira na próxima semana, no sábado, 6 de abril. A segunda em 16 de junho.
 
A etapa inaugural prevê 39 provas - 19 no período da manhã e outras 20 à tarde. A competição será aberta com os 5.000m para cadeirantes masculino, às 8h30, e terminará com os 5.000m masculino (final por tempo), às 17h30. O conceito da competição prevê que, em algumas provas, atletas olímpicos e paralímpicos disputem as provas lado a lado. As inscrições terminam nesta sexta-feira, 29.03.
 
Pista com Certificação 1 da Federação Internacional de Atletismo é uma das atrações do CT Paralímpico de São Paulo. Foto: André Motta/rededoesporte.gov.brPista com Certificação 1 da Federação Internacional de Atletismo é uma das atrações do CT Paralímpico de São Paulo. Foto: André Motta/rededoesporte.gov.br
 
A pista de atletismo é uma das atrações do Centro de Treinamento Paralímpico. Tem certificação 1 da Federação Internacional de Atletismo e arquibancada para mil torcedores. A estrutura do CT também conta com uma pista indoor para aquecimento. O desafio de atletismo é um dos quase 300 eventos previstos para o CT em 2019. A estrutura com 95 mil metros quadrados tem espaço para a prática em alto rendimento de 15 modalidades que integram ou já fizeram parte do programa paralímpico.
 
Inaugurado em 23 de maio de 2016, o CT fica ao lado do quilômetro 11,5 da Rodovia Imigrantes, em São Paulo. Além do espaço do atletismo, conta com piscina coberta com dimensões olímpicas e arquibancada para mil torcedores, ginásio multiuso frequentemente usado para goaball, basquete em cadeira de rodas e badminton, campos de futebol de cinco (para deficientes visuais) e de futebol de sete (paralisados cerebrais).
 
Completam o cardápio do CT as quadras de tênis em cadeiras de rodas, espaços para bocha, judô, tênis de mesa, halterofilismo e taekwondo, além das áreas de fisioterapia e regeneração física. A estrutura também conta com alojamento com 86 apartamentos e capacidade para quase 300 hóspedes, que recebeu mais de 11 mil pessoas em 2018.
 
O investimento total foi de R$ 305 milhões, com 187 milhões do então Ministério do Esporte e o restante do governo de São Paulo. A gestão é feita pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, com 265 funcionários e um custo anual de manutenção estimado em R$ 30 milhões.
 
Ascom, Ministério da Cidadania, com informações da CBAt e do CPB
 
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla