Ministério do Esporte Acordo irá proteger crianças e adolescentes nos Jogos Mundiais Indígenas
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Acordo irá proteger crianças e adolescentes nos Jogos Mundiais Indígenas

Foto: Lia Mara/Secom-TOFoto: Lia Mara/Secom-TO

Um aperto de mão entre representantes dos três níveis de governo marcou a cerimônia de assinatura, nesta segunda-feira (17.08), de um Termo de Adesão à Agenda de Convergência para proteger crianças e adolescentes durante a 1ª edição dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas em Palmas, no período de 20 de outubro a 1º de novembro. O compromisso foi firmado no Palácio do Araguaia, sede do governo de Tocantins, entre o governo federal, representado pelo ministro da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), Pepe Vargas, o governador Marcelo Miranda, e o prefeito da capital, Carlos Amastha.

A agenda de Convergência representa a articulação de esforços para a proteção integral de crianças e adolescentes e de defesa de direitos humanos na realização de grandes eventos. Sendo coordenada pela (SDH/PR), a iniciativa prevê ações integradas entre as três esferas de governo, organizações não governamentais, rede de proteção e organismos internacionais.

Foto: Lia Mara/Secom-TOFoto: Lia Mara/Secom-TOO ministro Pepe Vargas lembrou que a metodologia da Agenda de Convergência já foi utilizada na Copa das Confederações e na Copa do Mundo de 2014 com muito sucesso. "Sabemos que a maioria das pessoas que participarão dos Jogos Indígenas são bem intencionadas.  Mas sabemos também que há pessoas que não são.  E nós precisamos proteger nossas crianças e adolescentes", disse.

O governador Marcelo Miranda reforçou o compromisso assinado. "Vamos mostrar para o Brasil que  Tocantins está preparado. Não apenas para receber Jogos desse porte, mas também para proteger os direitos humanos", concluiu.

1ª Conferência de Cultura Indígena
Representantes de diversas etnias estiveram presentes na abertura da 1ª Conferência de Cultura Indígena do Tocantins. O evento também aconteceu nesta segunda, às 17h. A solenidade foi realizada no Museu Histórico do Tocantins (Palacinho), em Palmas. O encontro pretende fortalecer a construção de políticas públicas culturais para os povos indígenas do estado.

Cleide Passos, com informações da SDH/PR
Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla