Ministério do Esporte Com muitos dribles e jogo limpo, projeto Futebol de Rua pretende ampliar ação em 2014
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Com muitos dribles e jogo limpo, projeto Futebol de Rua pretende ampliar ação em 2014

Foto: Beto SpeedenFoto: Beto Speeden
O fim de 2013 não poderia ter sido melhor para as crianças que participam do projeto Futebol de Rua pela Educação. Depois de um ano repleto de dribles e lances que encantam os amantes do futebol, a criançada do projeto – que é desenvolvido com recursos captados por meio da Lei de Incentivo ao Esporte – tiveram como última atividade do ano um dia repleto de futebol durante o terceiro Campeonato Brasileiro de Futebol Estilo Livre (Freestyle), realizado no último mês de dezembro no Parque São Jorge, em São Paulo. Os jovens participam dos núcleos de Heliópolis (São Paulo), Guarulhos, Guararema, Jacareí e Taubaté.

Por meio de parceria com a Federação Brasileira de Futebol Freestyle (FBF), os alunos tiveram a oportunidade de assistir os melhores atletas do país durante o Brasileirão de Estilo Livre, além de brincar no espaço street, nos videogames e nas duas quadras infláveis de futebol de rua.

(Foto: Beto Speeden)(Foto: Beto Speeden)


“Conseguimos o transporte para as crianças terem um dia no Parque São Jorge. Assim, proporcionamos um belo encerramento das atividades do nosso projeto. Para 2014, a nossa ideia é aumentar o número de crianças atendidas e o número de cidades”, explicou o presidente da entidade, Oscar Neto, acrescentando que o projeto se prepara para iniciar no mês de março o terceiro ano usando recursos captados por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Mesmo levando o nome de futebol de rua, as atividades são desenvolvidas dentro de escolas públicas das cidades de São Paulo e Curitiba. O futebol de rua é um estilo da modalidade, como explica Oscar. “Desenvolvemos as atividades dentro das escolas públicas sempre aos sábados, em parceria com as secretarias de esporte dos Estados. O futebol de rua consiste em uma partida de três contra três, com golzinho pequeno, em que os dribles valem mais do que os gols, prezando sempre pelo jogo limpo, valores transmitidos pela entidade”, esclarece. “Prezamos pela metodologia da técnica, jogo bonito com canetas e belos dribles, não esquecendo a pedagogia”, completou.

Em 2013, a iniciativa atendeu 210 crianças com idade entre 7 e 13 anos. Para este ano a proposta é aumentar o número de atendidos e levar a metodologia para outras cidades. “O diferencial da modalidade é que podemos realizar o trabalho em espaços pequenos. Prezamos também muito pela parte educacional, pois acreditamos que a nossa missão é formar cidadãos”, acrescenta o presidente.   

Os alunos participantes do projeto são indicados pelas escolas, com o foco em atender aqueles que têm dificuldades pedagógicas (frequência nas aulas, notas, comportamento). Com o objetivo de melhorar o rendimento escolar destes estudantes, a iniciativa também oferece o acompanhamento de um pedagogo e de um profissional de educação física durante as aulas.

Breno Barros
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla