Ministério do Esporte Capital federal é palco de capacitação do Segundo Tempo implantado em 13 estados
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Capital federal é palco de capacitação do Segundo Tempo implantado em 13 estados

Capacitação gerencial do Programa Segundo Tempo, em Brasília (Foto: Paulino Menezes)Capacitação gerencial do Programa Segundo Tempo, em Brasília (Foto: Paulino Menezes)Brasília recebe nesta segunda e terça-feira (20 e 21.10), a capacitação gerencial do Programa Segundo Tempo (PST). Participam da formação, realizada no St. Peter Hotel, cerca de 70 profissionais do programa, entre coordenadores-gerais, pedagógicos, técnicos administrativos e interlocutores do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse do Governo Federal (Siconv).
 
Os participantes do curso atuam em 48 convênios. Entre os parceiros estão prefeituras municipais e governos de Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará,  Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco,  Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo.
 
A formação presencial tem por objetivo orientar e esclarecer os procedimentos de implantação e estruturação das ações necessárias para que o convênio receba a ordem de início, bem como a execução física e financeira, com alimentação do Siconv. Trata-se e uma sinalização no formato de autorização, dada pela Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (Snelis), para que as entidades parceiras (prefeituras municipais, governos estaduais e federal e universidades) possam iniciar efetivamente o atendimento do programa.
 
Durante a abertura, a diretora  de Politicas e Programas Intersetoriais da Snelis, Andréa Ewerton, deu as boas- vindas aos participantes. Em seu discurso, a gestora defendeu a necessidade de se ampliar o atendimento com qualidade. “Acreditamos que a formação para os gestores e para os professores e monitores que atuam em nossos programas sociais  é essencial e estruturante.  O papel dos estados e municípios após a captação do recurso junto ao Ministério do Esporte é garantir a correta execução dos programas e a qualidade do atendimento à população”, disse Andréa.
 
Durante o encontro serão tratadas as demais ações que compõem o programa, como capacitação pedagógica, acompanhamento administrativo e pedagógico. Também entram na pauta os  sistemas de controle e monitoramento, entre eles o do ministério e o Siconv.
 
“A capacitação gerencial é essencial para que o parceiro tenha uma visão ampla do programa e proporcione uma boa execução e, em especial, um atendimento qualificado aos beneficiados”, explicou Claudia Bernardo, a coordenadora-geral de Integração de Políticas e Programas Intersetoriais.
 
Carla Belizária
Ascom - Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla