Ministério do Esporte Comissão e câmaras temáticas para revisão da Lei Pelé começam a ser criadas
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Comissão e câmaras temáticas para revisão da Lei Pelé começam a ser criadas

Dagoberto dos Santos (ao centro), reúne-se com Diretoria da FERJ para discutir a criação da comissão temporária e das câmaras temáticas. Foto: Adalberto Scigliano/Ministério da CidadaniaDagoberto dos Santos (ao centro), reúne-se com Diretoria da FERJ para discutir a criação da comissão temporária e das câmaras temáticas. Foto: Adalberto Scigliano/Ministério da Cidadania
A apresentação do plano diretor para constituir a comissão encarregada de revisar a Lei Pelé e instituir as câmaras temáticas responsáveis por análise e aperfeiçoamento de diversos pontos da atual legislação de futebol foi a pauta da reunião entre o secretário nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Ronaldo Lima, o diretor de Futebol Profissional da secretaria (SNFDT), Dagoberto dos Santos, e dirigentes de algumas entidades ligadas ao futebol brasileiro. O encontro foi nas sedes da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na capital fluminense, nos dias 6 e 7 de agosto. 
 
Ronaldo Lima e Dagoberto dos Santos visitaram ainda a sede da Autoridade Pública de Futebol (APFUT), onde o recém-nomeado coordenador-geral de Fiscalização e Controle, Gilson Passos de Oliveira, expôs e debateu os projetos que atualmente estão a cargo da entidade, vinculada a SNFDT.
 
“Foram dois dias muito produtivos de trabalho, em que pudemos compartilhar não só as ideias e planos para a criação do novo marco regulatório do futebol, como também o cronograma de ações que todos os nossos departamentos se comprometeram a entregar. Como dito em outras oportunidades, esta gestão, agora atrelada ao Ministério da Cidadania, tem plena consciência de que o futebol é um poderoso elemento de transformação social e cidadã, e por isso estamos engajados em fortalecê-lo em várias frentes ”, acentuou o secretário.
 
Para o diretor Dagoberto, esse foi o primeiro passo. “Temos muito trabalho pela frente, mas, a receptividade e a parceria que tanto a FERJ como a CBF demonstraram após tomarem conhecimento de nossos planos, nos faz crer que encontraremos esses mesmos sentimentos nas demais reuniões que promoveremos”, disse o diretor.
 
Valter Feldman, secretário-geral da CBF, Dagoberto dos Santos, diretor de Futebol Profissional da SNFDT, Rogério Caboclo, presidente da CBF e Ronaldo Lima, secretário nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor. Foto: Thais Magalhães – CBF Valter Feldman, secretário-geral da CBF, Dagoberto dos Santos, diretor de Futebol Profissional da SNFDT, Rogério Caboclo, presidente da CBF e Ronaldo Lima, secretário nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor. Foto: Thais Magalhães – CBF
 
Adalberto Scigliano – Ministério Da Cidadania
 
 
Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla