Ministério do Esporte Jogos da Amizade promovem integração entre alunos de Colégios Militares
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Jogos da Amizade promovem integração entre alunos de Colégios Militares

Para promover a integração e fomentar o desenvolvimento dos alunos por meio do esporte, a cidade de Resende, no interior do Rio de Janeiro, recebe a XIII edição dos Jogos da Amizade, que vai reunir 13 Colégios Militares do país a partir da próxima segunda-feira (1º). A competição, que será disputada até sábado (06.07), conta com o investimento de R$ 624.732,23 da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania.

Foto: Divulgação/Exército BrasileiroFoto: Divulgação/Exército BrasileiroO evento vai reunir cerca de 1.800 alunos, entre 15 e 18 anos, que vão disputar as provas de 11 modalidades: atletismo, basquete, futebol society, handebol, hipismo, orientação, tiro, pentatlo moderno, voleibol, xadrez e natação.

Os Jogos da Amizade serão realizados nas instalações da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). Aberto ao público, o torneio conta com os alunos dos Colégios Militares de Manaus, Fortaleza, Belém, Recife, Salvador, Brasília, Campo Grande, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Juiz de Fora, Curitiba, Porto Alegre e Santa Maria.

Para o diretor do Departamento de Desenvolvimento e Acompanhamento de Políticas e Programas Intersetoriais da Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (SNELIS), Ângelo Costa, a iniciativa dialoga diretamente com a missão de democratizar o acesso ao esporte.

“O evento, além de despertar o hábito de práticas esportivas e culturais, gera muitos resultados positivos que estão em diferentes dimensões: da saúde, atuando no combate ao sedentarismo, obesidade e doenças cardíacas; social, despertando valores e oportunidades que jovens, nesta faixa etária, tendem a levar durante a vida; e de justiça, pois faz um enfrentamento ao uso de drogas e associações indevidas, refletindo diretamente na segurança pública e na diminuição da incidência de crimes”, explicou.

Em paralelo aos Jogos da Amizade, acontece também a competição artístico-cultural ZumZaraVoice, em que cada colégio apresenta diferentes manifestações artísticas, com tema livre, protagonizadas pelos alunos. Segundo Costa, a integração esportiva-cultural faz parte dos direitos sociais fomentados pelo Estado e contribui com a formação da dignidade humana e a integralidade da cidadania.

Jessica Barz
Ascom – Ministério da Cidadania
 

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla