Ministério do Esporte Parque Olímpico da Barra recebe Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações:  (61) 3217-1875E-mail:O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Parque Olímpico da Barra recebe Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica

O Campeonato Brasileiro CAIXA de Ginástica Rítmica Adulto e Infantil começa nesta quarta-feira (26) na Arena Carioca 3, no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro, com a presença de equipes de 13 estados do país. O palco olímpico também contará com a II Etapa do Circuito CAIXA de Ginástica, que será disputada no próximo domingo (30).

Principais nomes da modalidade na categoria Individual, como Natalia Gáudio, da Escola de Campeãs (ES), e Bárbara Domingos, do Clube AGIR (PR), ambas integrantes da Seleção Brasileira têm presenças confirmadas na competição. A Seleção Brasileira de Conjunto fará apresentações durante o Brasileiro. A programação ainda reserva uma seletiva para o Sul-Americano por Idade (Age Group). 

Segundo a coordenadora do comitê técnico de Ginástica Rítmica da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), Renata Teixeira, a expectativa para o Brasileiro CAIXA é a melhor possível. "Esse Brasileiro tem um sabor especial, porque contará com as participações da Natalia e da Barbara, que representarão o Brasil no Pan-Americano de Lima. Além disso, também teremos a oportunidade de ver apresentações da Seleção Brasileira de Conjuntos. E tudo acontecerá na Arena Carioca 3, a mesma da Rio-2016, o que torna o evento ainda mais especial. Minha expectativa é de um grande show, tanto no adulto, como na categoria infantil que está recheada de talentos para a nova geração", afirmou Renata.

"O nível técnico no Brasil vem crescendo consideravelmente. Esta também é a nossa expectativa para esse ano. Na categoria adulta, estamos estreando a competição dividida por níveis, o que vai estimular a disputa e separar as atletas de acordo com suas condições técnicas. Na categoria infantil, percebemos o despontar de muitas ginastas de excelente nível, que serão o futuro da modalidade. Daí a importância destas meninas competirem juntas, trocando experiências e estimulando o intercâmbio entre as categorias", explicou.

Para Camila Ferezin, técnica e Coordenadora das Seleções de Ginástica Rítmica, a participação da Seleção de Conjunto durante o Brasileiro será muito útil na reta final de preparação para o Pan de Lima. "No calendário deste ano, não havia nenhuma competição neste período que antecede o Pan. Estarmos neste evento faz parte do nosso planejamento e preparação para atingirmos o auge da performance em agosto. Iremos manter o foco nos dois períodos de treinamento, porém incluir as apresentações para elas também como uma forma de se prepararem emocionalmente com a pressão que envolve uma competição", disse Camila.

"Após a definição das cinco ginastas da equipe, seguimos trabalhando forte em cima da execução e acertando todos detalhes. Estou muito satisfeita e confiante neste grupo, que a cada dia sobe um degrau. Não tenho dúvidas que chegaremos muito bem preparadas para o Pan-Americano", afirmou a treinadora brasileira.

Para Renata Teixeira, a seletiva do Sul-Americano por Idade (Age Group), que ocorrerá no domingo (30), segue o planejamento de selecionar as ginastas que representarão o Brasil dentro do mesmo ano. "Desde que assumimos o comitê técnico, estamos nos esforçando para oportunizar a realização de seletivas. Fizemos isso no último ano e o resultado foi muito positivo, pois conseguimos levar uma equipe forte ao sul-americano. Esse ano faremos novamente a seletiva junto com o campeonato. Como novidade, faremos a seletiva de duplas, modalidade implementada neste último campeonato sul-americano", disse Renata.

Fonte: Confederação Brasileira de Ginástica

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla