Ministério do Esporte Cidadania e Rede Esporte pela Mudança Social debatem ações de desenvolvimento a partir de práticas esportivas
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE

 
Conheça os principais programas e ações da Secretaria Especial do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Cidadania e Rede Esporte pela Mudança Social debatem ações de desenvolvimento a partir de práticas esportivas

São Paulo - O ministro da Cidadania, Osmar Terra, e o secretário especial do Esporte, Marco Aurélio Vieira, participaram de um encontro com esportistas ligados ao movimento Rede Esporte pela Mudança Social, nesta segunda-feira (15), em São Paulo (SP). A iniciativa defende o acesso à prática esportiva como instrumento de transformação social. Durante a reunião, atletas e ex-atletas de diversas organizações sociais apresentaram seus projetos, metas, dificuldades e desafios.

Foto: Rafael Zart/Ministério da CidadaniaFoto: Rafael Zart/Ministério da Cidadania

Presidente da organização Atletas pelo Brasil e fundadora da Rede Esporte pela Mudança Social (REMS), a medalhista olímpica e mundial Ana Moser expôs o desejo dos atletas de criar um Sistema Nacional do Esporte, que incluiria a integração com a educação e outras políticas públicas. “Poucas pessoas têm acesso ao esporte pela falta de estrutura. Então, debater e investir é importante para viabilizar essa oportunidade”, defendeu.

De acordo com o presidente do Instituto Reação e medalhista olímpico de judô, Flávio Canto, o esporte desempenha um papel transformador no enfrentamento à violência. Com atuação em comunidades carentes como a Rocinha, a instituição é responsável por revelar talentos como Rafaela Silva, campeã olímpica na Rio 2016. “Quando entrei no projeto, não sabia exatamente a força que o esporte tinha. Hoje, tenho certeza absoluta de que é um excepcional carro-chefe para mudar a vida das pessoas.”


Cidadania plena

O ministro Osmar Terra garantiu que o esporte é fundamental para a construção de uma cidadania plena. Ele afirmou que a atuação da pasta é focada na articulação de ações integradas. Terra destacou o fortalecimento do Bolsa Atleta, que teve o orçamento recomposto, e a ampliação do número de atletas beneficiados, desde as categorias de base até o alto rendimento. "Nós queremos que as pessoas pratiquem esportes. Tenho convicção no papel transformador do esporte e nós vamos fazer todo o esforço possível para que, de maneira integrada, possamos promover avanços sociais importantes, incentivando o surgimento de novos talentos, mas sem descuidar dos nossos atletas de alto rendimento", assegurou.
 “O encontro foi fundamental porque estreitou os laços e demonstrou o esforço do governo federal em fortalecer de maneira integrada o esporte no Brasil”, concluiu o secretário Especial do Esporte, Marco Aurélio Vieira.

Rede Esporte pela Mudança Social

A Rede Esporte pela Mudança Social reúne 116 instituições que usam o esporte como fator de desenvolvimento humano e social. Juntas, essas instituições realizam mais de 400 mil atendimentos diretos por ano.

Já a REMS atua para dar visibilidade ao trabalho das organizações, demonstrando o impacto social e o poder transformador do esporte, que inspira pessoas, instituições e governos a promover a saúde, o desenvolvimento humano, a ética e a cidadania.

Diego Queijo - Ministério da Cidadania

 

Informações sobre os programas do Ministério da Cidadania:
0800 707 2003


Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla