Ministério do Esporte Com muito esporte e diversão, criançada faz a festa no Dia das Crianças no Parque Olímpico da Barra
Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para a busca 3 Ir para o rodapé 4 Página Inicial Mapa do Site Ouvidoria Acessibilidade MAPA DO SITE ALTO CONTRASTE ACESSIBILIDADE
Ministério do
Esporte

 
Conheça os principais programas e ações do Ministério do Esporte.
Videorreportagens, textos e fotos mostram como os projetos são colocados em prática e os resultados alcançados em todo o país.

Informações: (61) 3217-1875E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

                          

Com muito esporte e diversão, criançada faz a festa no Dia das Crianças no Parque Olímpico da Barra

O Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro, recebeu, nesta quinta-feira (12.10), um público especial. Com música, gincana e muito esporte, as Arenas Cariocas 1 e 2 reuniram cerca de mil crianças, entre 5 e 12 anos, que participaram do Dia das Crianças Olímpico.

Os meninos e meninas que aproveitaram o dia no Parque Olímpico são atendidas por projetos sociais apoiados por programas da Secretaria de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (SNELIS) do Ministério do Esporte. Elas participaram de clínicas de judô, jiu-jitsu, defesa pessoal, taekwondo, MMA, futevôlei, vôlei, basquete 3x3 e street soccer.

Foto: Francisco Medeiros/MEFoto: Francisco Medeiros/ME

Leonardo Picciani. Foto: Francisco Medeiros/MELeonardo Picciani. Foto: Francisco Medeiros/ME

Para o ministro do Esporte, Leonardo Picciani, proporcionar um dia único aos jovens é colocar o legado olímpico a serviço da população carioca. "O legado olímpico pertence aos brasileiros. A gente quer que cada vez mais as pessoas se acostumem a vivenciar o dia-a-dia no Parque Olímpico. Nada melhor para marcar isso do que abrir as arenas no Dia das Crianças com os jovens se divertindo e se aproximando ainda mais dos valores transmitidos pelos esportes", disse Picciani.

O lutador Rodrigo Minotauro não escondeu a empolgação em vivenciar uma tarde única com as crianças de diferentes comunidades cariocas. "É um prazer estar aqui. A Arena Olímpica é um lugar das crianças e do povo do Rio de Janeiro. Penso que a estrutura é para ser usada pela população. Sei que a administração está sendo muito bem conduzida pelo Ministério do Esporte, porque eles estão promovendo vários eventos para as crianças aqui. Esse é o meu terceiro evento aqui que envolve crianças e projetos sociais no Parque Olímpico. Estou muito feliz em poder contribuir", contou.

O atleta de MMA fez parte da campanha promovida pelos esportistas que arrecadou 1.500 brinquedos que foram distribuídos no evento. "Arrecadamos vários brinquedos em uma grande campanha. Eu doei 300 deles, por meio do Instituto Irmãos Nogueira. Estou radiante ao ver essa Arena tomada por crianças", revelou.

O professor André Roberto, que atua no projeto Esporte e Cidadania para Todos no bairro de Anchieta no Rio de Janeiro, ressaltou que é a primeira vez dos jovens da comunidade nas instalações que foram palco para atuação dos melhores atletas do mundo durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. "As crianças estão curtindo muito. O Rio de Janeiro está muito perigoso e ocupamos essas crianças com um trabalho esportivo, com aulas de futsal e handebol. Mostrar o legado olímpico traz uma esperança de futuro diferente para elas", disse. Atualmente, o projeto do professor André atende cerca de 80 crianças no bairro carioca.

Ágatha, jogadora de vôlei de praia, também esteve presente no evento. Ela lembrou que a presença dos atletas olímpicos reforçou o lado esportivo da comemoração. "É muito especial poder viver esse momento no Parque Olímpico. Eu, como atleta, considero essa troca maravilhosa. Saber que o Ministério do Esporte está proporcionando um dia mais do que especial, no dia delas, é show de bola. A gente faz parte disso. Hoje tenho uma oportunidade de estar aqui com elas, brincar um pouco, dar aquele abraço e autógrafos. São momentos únicos, pois dificilmente essas crianças teriam essa oportunidade de um contato mais próximo com a gente", disse.

O evento contou ainda com a presença dos atletas Talita e Taiana, do vôlei de praia, Isabel Clark (Snowboard), Júlio Almeida (tiro esportivo), ex-jogador de futebol Jairzinho, Marivana Nogueira (atletismo paralímpico), Michel Passanha (remo paralímpico) e Wallace dos Santos (atletismo paralímpico).

O Dia das Crianças Olímpico foi promovido pelo Ministério do Esporte e pela AGLO, com a participação do Viva Vôlei (programa de iniciação esportiva da Confederação Brasileira de Vôlei), da Confederação Brasileira de Basketball, do Instituto Irmãos Nogueira, da Usina de Campeões, do Team Marreta, do Team Águia e da Associação David Taekwondo (ADT).

Foto: Francisco Medeiros/MEFoto: Francisco Medeiros/ME

Futebol

O ministro do Esporte aproveitou o evento para divulgar o novo programa da pasta – Seleções do Futuro. Desenvolvido pela Secretaria de Futebol, em parceria com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a iniciativa visa desenvolver o esporte mais popular do Brasil em diferentes cidades nacionais.

"Nós aproveitamos e anunciamos aqui no Rio de Janeiro o Seleções do Futuro, projeto feito pela Secretaria de Futebol, que juntamente com a CBF desenvolveu uma metodologia de ensino do futebol, que coloca conteúdo educacional alinhado com o técnico e tático. Programa muito bem construído, que já iniciou de forma experimental em 14 cidades de Minas Gerais e logo vai começar aqui no Rio de Janeiro, além de outros estados brasileiros", disse.

» Confira mais fotos do evento no Flickr do Ministério do Esporte

 

Do Rio de Janeiro, Breno Barros – rededoesporte.gov.br

 

Desenvolvido com o CMS de código aberto Joomla